"O tempo é valiosíssimo, mas não custa nada, podemos fazer o que quisermos com ele, menos possui-lo, podemos gasta-lo, mas não podemos guarda-lo. Quando o perdemos não podemos recupera-lo, "passou e pronto.!".

20.12.09

Nutricionistas dão dicas de como passar as festas de fim de ano sem nenhum grande exagero e evitar os quilinhos extra.

 


É praticamente inviável participar das festas de final de ano e não experimentar as guloseimas típicas das ceias de Natal e Ano Novo. Mas privar-se de comer esses alimentos tão apetitosos pode não ser um bom caminho para quem quer continuar o regime alimentar.
Aproveitar as comidas das ceias não é nenhum pecado. Estar com a família e com os amigos é sempre bom, e experimentar de tudo, com certa moderação, não irá atrapalhar a sua condição fisica.
“Ceia de Natal é uma vez por ano, então ela não vai engordar ninguém, mesmo que exagere neste dia. O problema é o que se come durante todo ano, sem se preocupar com a saúde do corpo”, explica Luís Ricardo de S. Alves. Se a consciência pesar após aquela refeição farta, no dia seguinte, se não faltar ânimo, um pouco de exercício é recomendado. “Se possível, o atleta pode fazer uma corrida ou outro exercício aeróbio no dia seguinte a ceia ou até mesmo voltar a rotina normal de treinos”, diz Alves.

Moderação
Os corredores sempre ficam com aquela dúvida se precisam comer menos ou não exagerar, pois terão que correr em um futuro próximo. A nutricionista Raquel Dammous explica o que deve ser feito. “Todos nós, corredores ou não, devemos comer com moderação. Temos que ponderar na hora de comer e ficar de olho na gordura”.
Um dos principais problemas das ceias para o atleta não são os alimentos “pesados”, mas sim a bebida alcoólica, que pode afetar o treino do dia seguinte e a saúde do atleta. “Os corredores não precisam de se privar de muitas comidas para treinar no dia seguinte, apenas moderar na bebida alcoólica e dormir, no mínimo, sete horas”, alerta Alves.
Regularidade na dieta
O grande segredo para aproveitar as festas de final de ano com a consciência tranquila é manter uma regularidade na dieta durante todo o ano, sem exageros e nunca se esquecendo de balancear a alimentação.
“Realmente a maioria das ceias de natal contém alimentos bem gordurosos e também ocorre a ingestão exagerada do próprio alimento saudável, fazendo com que essa ceia passe de 2000 ou 3000 calorias. Não adianta culpar a ceia de natal pelo que o indivíduo deixou de fazer o ano todo, não é a ceia de natal que você exagerou que irá jogar o seu progresso do ano inteiro fora”, diz o nutricionista.
Para quem quer manter a dieta balanceada, sem grandes exageros, o ideal é seguir a própria consciência. “A dica sempre é perguntar para si mesmo ´eu ainda estou com fome?´, ´Isso vai me fazer bem?´, e, com isso, ponderar e comer com moderação”.
Dicas para comer bem sem exagerar
Relaxar nas ceias de final de ano é permitido, mas pondere nos alimentos prejudiciais;
Voltar à rotina de treinos, exercícios e dietas balanceadas logo após as ceias;
Comer de tudo um pouco, não exagerar em nada, não há problemas em experimentar, desde que seja com moderação;
Na hora da sobremesa escolha apenas uma opção. Se possível escolha as frutas;
Escolha sempre a carne mais magra;
Não exagere na bebida alcoólica;
Cuidado com os petiscos antes das refeições.

publicado por Zé às 11:19

opa... tudo certo ??

muito bom seu blog.... excelente mesmo !!!

tem muitas dicas !!!! gostei !!!!!

tenho lutado contra uma canelite, e ainda nao venci, mas estou batalhando para poder entrar de vez no mundo da corrida !!!

parabens !!

abracao !!!
levi a 23 de Dezembro de 2009 às 02:34

Um espaço onde pode informar-se sobre aspectos relacionados com a corrida, alimentação, exercícios, nutrição, treinos, lesões etc,etc. Email:jmsesteves@mail.pt
Visitas/Tradutor
English French German Spain Italian